Saúde

Os muitos benefícios para a saúde do caldo de osso para digestão, artrite e celulite

  Fact-checking   Autentic   DMCA   Report






Você já ouviu falar em caldo de osso? Está começando a se tornar a próxima mania de alimentos saudáveis.

O que essa sopa estranha tem a oferecer? De acordo com os fãs de caldo de osso, a vovó pode estar certa quando disse que era a cura para todas e quaisquer doenças.

Para ser honesto, soou um pouco nojento para mim no começo, mas depois de ouvir os detalhes de muitos gurus da saúde, tentei. Prometo que é muito mais gostoso do que parece.

Hoje vou entrar no âmago da questão dos benefícios para a saúde do caldo de osso. Aposto que você encontrará uma razão ou duas para pelo menos tentar.

O que é caldo de osso?

O caldo de osso é essencialmente uma base de sopa feita fervendo os ossos de vacas, porcos, galinhas ou perus. É então coado para separar os sólidos do líquido. O líquido, muitas vezes salgado e temperado, é o famoso caldo de osso.

O caldo de osso tem sido um grampo em muitas dietas ao redor do mundo há muito tempo. Isso nos permite usar mais de um animal, desperdiçando menos. Ele também contém muitos dos nutrientes da carne em uma forma líquida fácil de digerir.

Uma tigela de sopa com legumes.

Qual é a diferença entre caldo de osso e caldo de osso?

O caldo de osso é tipicamente feito com um ácido (como o vinagre) e já é salgado e temperado. Está pronto para consumir puro.

Este é o alimento saudável que estamos discutindo hoje. Sua popularidade se deve em grande parte à sua natureza palatável e à ideia de que o ácido ajuda a extrair nutrientes dos ossos.

O caldo de osso é muito parecido com o caldo de osso, só que sem o ácido e o tempero. O caldo de osso é uma ótima e rica base de sopa, mas nem sempre é conhecido por seus benefícios à saúde.

Onde você pode obter caldo de osso?

Caldo de osso pode ser encontrado em muitos restaurantes da moda em todo o país. Por mais estranho que pareça, muitas vezes é considerado uma alternativa deliciosa e saudável ao café da manhã.

Você pode dar uma olhada em sua loja local de alimentos saudáveis ​​e ver se eles oferecem caldo de osso fresco, ou você pode comprar vários tipos de caldo de osso online.

Você também pode fazer seu próprio caldo de osso. Mesmo que você não seja um chef gourmet, é bastante fácil de construir. Você simplesmente ferve os ossos em água com um pouco de vinagre por 6-24 horas. O longo tempo de cozimento garante que os nutrientes dos ossos cheguem ao seu caldo.

Você pode comprar ossos em seu supermercado ou açougue local. Ossos de caça selvagem também são apropriados, se você tiver um caçador em sua vida. Se você precisar de orientação adicional sobre como fazer seu próprio caldo, há uma variedade de recursos disponíveis on-line para ajudá-lo em seu caminho.

O que está no caldo de osso que o torna tão saudável?

O caldo de osso contém alguns minerais importantes, como cálcio, fósforo, magnésio e potássio. Esses nutrientes são boas razões para comer caldo de osso regularmente, mas há mais.

Este tônico de saúde líquido também contém gelatina, colágeno, prolina, glicina, glicosaminoglicanos, ácido hialurônico e sulfato de condroitina. Todos eles são conhecidos por suas contribuições para a saúde do tecido conjuntivo – incluindo cabelos e unhas.

Benefícios para a saúde digestiva

Há muitas pessoas por aí que dizem que o caldo de osso é bom para o trato digestivo. A teoria por trás disso é que a gelatina no caldo de osso ajuda a acalmar o trato e até potencialmente ajuda seu revestimento a curar.

A suposta cura do trato digestivo deve ajudar a curar o intestino permeável, uma condição que a ciência moderna ainda não entende completamente. As potenciais propriedades de cura do intestino da gelatina também não foram estudadas.

Ossos menores são supostamente melhores para isso devido ao seu alto teor de gelatina. Lembre-se disso se quiser experimentar o caldo de osso para curar seus problemas digestivos. Embora haja pouca ciência por trás do uso de caldo de osso para esse fim, não vai doer tentar.

Uma tigela de sopa.

Melhora o Sistema Imunológico

Alguns dos minerais no caldo de osso desempenham um papel crucial no sistema imunológico. Primeiro, o cálcio estimula a liberação de glóbulos brancos para permitir que o sistema imunológico ataque invasores em potencial, como vírus, e também para iniciar o processo de cicatrização.

Embora a relação entre o magnésio e o sistema imunológico ainda não tenha sido totalmente desenvolvida, é inegável que existe uma conexão.

A pesquisa também mostra uma conexão tênue, mas inegável, entre o fósforo e o sistema imunológico.

Embora não haja evidências reais de que o caldo de osso como um todo contribua para um sistema imunológico mais forte, o fato é que muitos dos nutrientes que ele contém ajudam a fortalecer sua imunidade. Se isso realmente ajudará a afastar seu próximo resfriado é provavelmente uma questão de mente sobre a matéria.

Reduz a aparência da celulite

A teoria por trás dessa alegação de saúde em particular é que o colágeno, o ácido hialurônico e a gelatina no caldo de osso ajudam a eliminar a celulite. Alguns gurus afirmam que isso se deve à capacidade do caldo de osso de eliminar toxinas, que dizem contribuir para a celulite.

A teoria ‘toxinas causam celulite’ foi desmascarada. As toxinas não são realmente a causa da celulite. A celulite é causada pelo tecido conjuntivo sob a pele que contorce as moléculas de gordura acumuladas para criar uma aparência irregular, semelhante a queijo cottage.

No entanto, existem algumas evidências reais que apontam para o colágeno dietético e outros compostos na gelatina reduzindo a aparência da celulite. Embora essas descobertas não sejam totalmente conclusivas e dependam do índice de massa corporal, há uma chance de que o caldo de osso possa realmente ajudar com esse problema.

Uma mulher nua com pele saudável.

Reduz a Dor e Inflamação nas Articulações

A ciência também acha que há algum mérito na ideia de que o caldo de osso é bom para dores nas articulações. Os compostos encontrados na gelatina do caldo de osso podem ser ativos neste caso. Há até algumas evidências de que compostos encontrados no caldo de osso podem ajudar a reduzir a deterioração das articulações.

A glicina e a prolina no caldo de osso também podem ajudar a reduzir a inflamação que geralmente acompanha a dor nas articulações. Na verdade, a dor nas articulações é frequentemente o resultado da inflamação, então esses compostos podem fornecer uma solução de duplo golpe.

A inflamação é uma resposta imune que envia glóbulos brancos para o local de uma lesão ou infecção para combater potenciais invasores e iniciar o processo de cicatrização. A dor é um dos efeitos colaterais da inflamação, sendo os outros vermelhidão, inchaço, área quente ao toque, rigidez e perda de função.

Ajuda você a dormir e contribui para uma mente calma

Não dormir bem ou não dormir o suficiente pode levar a inúmeras condições de saúde, e pode fazer você se sentir muito mal também. O caldo de osso pode ajudá-lo. Cálcio e magnésio (ambos presentes no caldo de osso) foram encontrados para aliviar a insônia.

Esqueça a canja de galinha para a alma, o caldo de osso é onde está. A glicina encontrada no caldo de osso é frequentemente usada como suplemento para promover uma mente calma e um sono reparador. A glicina é encontrada em quantidades relativamente pequenas no caldo de osso, então as chances são de que certamente não fará mal testar essa teoria por si mesmo.

Uma mulher dormindo na cama.

Ajuda a formar e reparar os ossos

Os minerais no caldo de osso são cruciais para o crescimento, formação e reparo de seus ossos. A ingestão dietética desses minerais definitivamente ajuda seu sistema esquelético, como mostraram dados de longa data. Veremos como cada um deles contribui.

O fósforo é o segundo mineral mais abundante no corpo. Muito desse fósforo é encontrado em nossos ossos. Este mineral trabalha para manter ossos, dentes e articulações fortes e saudáveis.

O cálcio, graças em grande parte aos prolíficos anúncios de laticínios, é bem conhecido por suas contribuições para a saúde de nossos ossos e dentes. Apesar dos comerciais bregas, a ingestão adequada de cálcio demonstrou evitar a osteoporose ou o enfraquecimento dos ossos.

O magnésio também desempenha um papel na formação óssea. É responsável, pelo menos em parte, por direcionar as atividades dos osteoblastos e osteoclastos (tipos de células ósseas). Estudos mostram que níveis adequados de magnésio se correlacionam com bons níveis de densidade óssea.

Melhora o cabelo, a pele e as unhas

Suplementos destinados a ajudar o cabelo e as unhas a crescerem fortes e a pele parecer brilhantemente bonita geralmente contêm colágeno e gelatina. Existem algumas evidências para apoiar a teoria de que esses compostos reduzem os efeitos do envelhecimento.

O colágeno é a principal proteína estrutural encontrada em nossos corpos, e a deficiência contribui para o envelhecimento da nossa pele. Colágeno dietético e suplementos foram encontrados por estudos para realmente ajudar a reduzir os sinais de envelhecimento e melhorar a aparência do cabelo e unhas.

Da mesma forma são os resultados de estudos que usam gelatina dietética como auxiliar de beleza. Embora a pesquisa nessa área ainda esteja faltando, os resultados preliminares mostraram que as mulheres que tomaram suplementos de gelatina descobriram que sua pele parecia melhor e se sentia mais firme.

Uma mulher em um pôr do sol.

Reduz a dor nas articulações da artrite

Muitos dos compostos encontrados no caldo de osso são frequentemente usados ​​por quem sofre de artrite em forma de suplemento para ajudar a aliviar a dor e a rigidez nas articulações.

Colágeno, ácido hialurônico, glucosamina e condroitina são frequentemente recomendados para quem sofre de artrite.

A artrite geralmente se refere à inflamação e/ou degeneração de uma articulação, frequentemente acompanhada de dor, inchaço e rigidez. Como o caldo de osso contém compostos que já estabelecemos que ajudam na inflamação, faz sentido que esse líquido quente e saudável possa ajudar.

Desvantagens do caldo de osso

O consumo de caldo de osso soa como um acéfalo, no entanto, há algumas preocupações a serem consideradas também.

O ácido glutâmico, também conhecido como glutamato, tem potenciais efeitos adversos no cérebro, como convulsões. Provavelmente não há quantidade suficiente deste composto para causar qualquer problema na maioria das pessoas. Cozinhar o caldo de osso por um período mais curto de tempo pode reduzir a quantidade dessa substância potencialmente nociva.

Há também alguma preocupação de que o caldo de osso possa conter chumbo. Como os níveis de chumbo encontrados no caldo ainda estão abaixo dos níveis considerados aceitáveis ​​para a água da torneira, isso não parece ser uma grande preocupação.

Uma pessoa segurando uma placa com um ponto de exclamação.

Aviso de superalimento

Como regra geral, acho que fazer suas próprias perguntas antes de comprar declarações de cura milagrosa é sempre uma boa ideia. Não acredite em tudo que lê na internet, especialmente quando se trata de sua saúde, e certifique-se de estar ciente das possíveis desvantagens de qualquer cura natural que você decida usar.

É muito importante certificar-se de que você também está obtendo suas informações de fontes confiáveis. Procure evidências que apoiem as alegações usando apenas fontes confiáveis. Use www.scholar.google.com para encontrar estudos genuínos e seus resultados.

Por fim, vou avisá-lo para sempre consultar seu médico antes de experimentar qualquer novo suplemento de saúde. A interação medicamentosa e o agravamento dos sintomas são possibilidades muito reais se você não tomar cuidado. Falar com seu médico primeiro pode ajudar a evitar esses possíveis problemas.

O caldo de osso é realmente bom para você?

No geral, o caldo de osso provavelmente é perfeitamente saudável. As evidências que suportam os benefícios do caldo de osso nas condições de saúde mencionadas acima podem variar, mas os benefícios obviamente superam os riscos na minha opinião.

O potencial do caldo de osso para ajudar seu sistema imunológico, sistema esquelético, sistema digestivo e bem-estar mental me convenceu.

Nem sempre acho essas alegações de superalimento realistas, mas os benefícios em torno do caldo de osso são bastante plausíveis. Se você tiver alguma outra dúvida sobre os benefícios para a saúde do caldo de osso, não hesite em perguntar!

Fontes: 1, 2, 3, 4

Mais

Disclaimer – (English version>) This content has been prepared based on information from research, additional publications, or the translation/verification work of a volunteer editor of this web council. This is a non-profit service. It is strongly recommended that all details and information published be carefully verified. We never allow medication recommendations, medication package inserts or any medication guidance. We never allow partisan politics as information.

Isenção de responsabilidade – (versão em português): Este conteúdo foi preparado com base em informações de pesquisas, publicações adicionais ou no trabalho de tradução/verificação de um editor voluntário deste conselho web. Este é um serviço sem fins lucrativos. É altamente recomendável que todos os detalhes e informações publicadas sejam verificadas cuidadosamente. Nunca permitimos recomendações de medicamentos, bulas ou qualquer orientação sobre medicamentos. Nunca permitimos a política partidária como base para checagem. Para mais informações, leia nossos termos.

Conteúdo baseado na seguinte compilação

  Fact-checking   Autentic   DMCA   Report






Mostrar mais

CMIO

Conselho de Mídia Independente - Grupo independente, de atuação jornalística; baseado em SP. Replica e elabora conhecimentos e assuntos de utilidade pública.

Artigos relacionados

Adblock Detected.

Desative seu AdBlock para poder acessar o conteúdo gratuito. Disable your AdBlock.