Suposto espião para a Rússia na Alemanha é suspeito de ter repassado segredos de aliados

[ad_1]

O membro do Serviço de Inteligência Estrangeiro (BND, na sigla em alemão) da Alemanha que foi preso nesta semana por suspeita de passar segredos para a Rússia teve acesso a dados sensíveis coletados por aliados, escreve na sexta-feira (23) a revista alemã Focus.
O indivíduo identificado como Carsten L. teria dito que foi preso em Berlim na quarta-feira (21) por supostamente compartilhar informações confidenciais com uma agência de inteligência russa em 2022, e enfrenta acusações de alta traição. Sua casa e local de trabalho foram revistados.
Panorama internacional

Alemanha detém funcionário de inteligência por suposto conluio com a Rússia, relata Reuters

A Focus citou fontes de inteligência em Berlim como dizendo que Carsten parecia ser um analista sênior com acesso a informações sensíveis coletadas por aliados pelo mundo afora.
Os segredos potencialmente vazados para a Rússia poderiam incluir dados obtidos pela Agência de Segurança Nacional (NSA, na sigla em inglês) dos EUA e pela Sede de Comunicações do Governo britânico durante suas extensas operações de escuta telefônica.
Em abril, Berlim expulsou 40 embaixadores russos por suposta espionagem.

[ad_2]

Este conteúdo foi verificado por RJ-2309 RJ-0292 RJ-0958

CMIO confirmou esta notícia. Fonte;

Via Sputnik News- IMG Autor