Sanções ocidentais ao petróleo russo entram em vigor – CMIO

  Fact-checking  Autentic  DMCA  Report

Moscou reiterou que não venderá o combustível para países que apóiam um teto de preço

Um embargo da UE ao petróleo bruto russo transportado por via marítima começou oficialmente na segunda-feira. Ao mesmo tempo, o bloco e seus aliados também impuseram um teto de US$ 60 para as exportações de petróleo.

O embargo da UE foi acordado em junho, em meio ao sexto pacote de sanções impostas a Moscou em conexão com o conflito na Ucrânia. O bloco está suspendendo oficialmente as importações marítimas de petróleo da Rússia a partir de 5 de dezembro, com exceção da Bulgária. As entregas terrestres através do oleoduto Druzhba para a Hungria, Eslováquia e República Tcheca também estão excluídas. A medida inclui uma restrição ao seguro europeu para petroleiros que fornecem petróleo da Rússia para terceiros países.

O teto de preço do petróleo russo, acordado na semana passada pela UE, países do G7 e Austrália, também entra em vigor em 5 de dezembro. A medida estabelece um preço máximo pelo qual o petróleo russo pode ser vendido a US$ 60 o barril. Qualquer coisa acima desse nível é excluída do recebimento de corretagem, remessa, seguro e outros serviços. Há um período de transição de 45 dias para embarcações que transportam petróleo russo comprado e carregado antes de 5 de dezembro.

No fim de semana, a Rússia reiterou que não concordará com o teto de preço nem venderá seu petróleo a países que o apoiem.

Acreditamos que essa ferramenta não é mercantil, ineficiente, interfere grosseiramente nos instrumentos de mercado, contrariando todas as regras, como as da OMC, por exemplo. Não vamos usar instrumentos de limite de preço. Agora estamos trabalhando em mecanismos para proibir o uso do boné”, disse o vice-primeiro-ministro russo Alexander Novak à Rossiya 24 TV no domingo. Ele acrescentou que a Rússia só venderá seu petróleo para países “que trabalham conosco em termos de mercado,” mesmo que isso signifique reduzir a produção.

CONSULTE MAIS INFORMAÇÃO:
Hungria isenta de teto de preço do petróleo russo – FM

Os preços do petróleo estavam em alta na manhã desta segunda-feira. O petróleo Brent de referência global subiu 1,7%, sendo negociado acima de US$ 87 o barril por volta das 09:40 GMT. O índice de referência dos EUA, West Texas Intermediate, também ganhou 1,7%, sendo negociado acima de US$ 81.

Para mais histórias sobre economia e finanças, visite a seção de negócios da RT

Você pode compartilhar esta história nas redes sociais:

Verificado por RJ983

Conteúdo traduzido

Ver fonte

  Fact-checking  Autentic  DMCA  Report