EUA aconselham empresas americanas a considerarem 'risco geopolítico' antes de negociar com China

[ad_1]

Nesta quarta-feira (30), a secretária do Tesouro dos Estados Unidos, Janet Yellen, disse que as empresas que revisam suas cadeias de suprimentos devem estar atentas aos riscos geopolíticos em torno das ameaças da China a Taiwan, bem como outras práticas chinesas que levantaram preocupações de segurança nacional dos EUA.
Ao mesmo tempo, a secretária deixou claro que respeita a política de Uma Só China de Pequim, mas que é “extremamente importante” manter um relacionamento pacífico entre o gigante asiático e a ilha e a paz no estreito de Taiwan, segundo a Reuters.
Yellen recentemente incentivou a diversificação das cadeias de suprimentos chinesas para democracias orientadas para o mercado, como a Índia.
Panorama internacional

Ações de gigantes de tecnologia da China caem após EUA ampliarem restrições ao mercado de chips

Entretanto, a chefe do Tesouro ressaltou que os fortes laços comerciais EUA-China são importantes para a economia global.
A autoridade norte-americana se encontrou com o governador do Banco Central chinês há duas semanas na cúpula do G20 na Indonésia, em seu primeiro encontro pessoal com uma autoridade econômica chinesa de alto escalão, e disse que espera um envolvimento mais frequente entre as duas maiores economias do mundo.
“Espero que continue a haver laços muito fortes entre a China e os Estados Unidos quando se trata de comércio e investimento mutuamente benéficos […] Não seria benéfico nem para os Estados Unidos, nem para a China, nem para a economia global ver isso corroer”, acrescentou a secretária na Indonésia.

[ad_2]

Este conteúdo foi verificado por RJ-2309 RJ-0292 RJ-0958

CMIO confirmou esta notícia. Fonte;

Via Sputnik News- IMG Autor