Mundo

Oficial morto em ataque terrorista na capital da UE — CMIO

  Fact-checking   Autentic   DMCA   Report






O agressor foi baleado pela polícia de Bruxelas e levado para o hospital depois de esfaquear vários policiais

Um policial foi morto a facadas e outro ferido após um ataque com faca na capital belga, com promotores federais dizendo acreditar que o incidente foi um ato de terrorismo.

O ataque aconteceu perto da estação ferroviária Bruxelas Norte na noite de quinta-feira, com o suspeito, que ainda não foi identificado, tentando esfaquear dois policiais enquanto patrulhavam, de acordo com a polícia local.

“Uma de nossas patrulhas foi atacada por um homem armado com uma faca” disse a polícia, conforme citado por um jornal belga, acrescentando que os dois oficiais “então pediu reforços. Um oficial de outra patrulha usou sua arma de fogo para neutralizar o agressor”.

Os dois policiais feridos foram levados para o hospital, mas um deles morreu com uma facada no pescoço, informou o jornal. O agressor também foi levado ao hospital, embora seu estado de saúde seja desconhecido, assim como o do segundo policial.


Estrela do futebol é esfaqueada em assalto a supermercado

Eric Van der Sypt, funcionário da promotoria federal belga, disse à Associated Press que o ataque ocorreu em um “contexto terrorista”, observando que as autoridades federais assumiram o caso porque há “suspeita de um ataque terrorista”.

Os meios de comunicação belgas afirmam que o agressor foi ouvido gritando “Allahu Akbar” – árabe para ‘Deus é grande’ – durante o ataque, mas as autoridades ainda não confirmaram muitos detalhes sobre o incidente.

A motivação do assaltante ainda não foi determinada. De acordo com outro jornal local, Het Laatste Nieuws, o atirador solitário apareceu em uma delegacia de polícia na quinta-feira, onde disse aos policiais que pretendia matar um membro da polícia. Um sindicato da polícia local relatou o mesmo, mas ainda não está claro por que o homem não foi preso.

Você pode compartilhar esta história nas redes sociais:

Verificado por RJ983

Conteúdo traduzido

Ver fonte

  Fact-checking   Autentic   DMCA   Report






Mostrar mais

CMIO

Conselho de Mídia Independente - Grupo independente, de atuação jornalística; baseado em SP. Replica e elabora conhecimentos e assuntos de utilidade pública.

Artigos relacionados

Adblock Detected.

Desative seu AdBlock para poder acessar o conteúdo gratuito. Disable your AdBlock.