Mundo

Erdogan reforça ameaça à Grécia: 'Podemos chegar de repente uma noite'

  Fact-checking   Autentic   DMCA   Report







O presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, disse que a Grécia e outros países que o “irritaram” entenderam a mensagem de Ancara quando autoridades turcas disseram que “podemos chegar de repente uma noite”.
O comentário gerou ampla rejeição por parte da Grécia e outras autoridades ocidentais, que condenaram a ameaça a um estado vizinho.
Nesta sexta-feira (7), aos repórteres, Erdogan acrescentou que não havia nada que valesse a pena discutir com a Grécia no momento, e acusou Atenas de basear suas políticas em “mentiras”.
“Eles não estão onde deveriam estar, toda a sua política é baseada em mentiras, eles não são honestos. Não temos nada para discutir com a Grécia”, comentou.
Panorama internacional

‘Jogo perigoso para os gregos’: ao confrontar Turquia, Grécia se arrastará para pântano, diz Erdogan

O presidente turco enfatizou que a Grécia deve levar a sério suas advertências sobre a resposta da Turquia a quaisquer ameaças.
Ele espera que a UE “convide a Grécia para o diálogo bilateral, em vez de apoiar iniciativas ilegais disfarçadas de unidade ou solidariedade”.
O primeiro-ministro grego, Kyriakos Mitsotakis, disse que seu país está aberto ao diálogo com qualquer país vizinho, e negou que Atenas esteja aumentando a tensão no mar Egeu e questões sobre a soberania das ilhas da região.
Recep Tayyip Erdogan, presidente da Turquia (no centro), durante 100º aniversário da vitória do país sobre a Grécia na Batalha de Dumlupinar em 1922, no mausoléu de Mustafa Kemal Ataturk, fundador da República Turca em Ancara, Turquia, 30 de agosto de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 27.09.2022

Panorama internacional

Turquia protesta contra Grécia após envio de armas dos EUA para ilhas neutras

A Grécia e a Turquia, que fazem parte da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN), liderada pelos EUA, brigam há anos por fronteiras marítimas e direitos de exploração de energia no mar Egeu e no Mediterrâneo.
A última escalada começou quando fontes de segurança turcas compartilharam imagens aéreas supostamente mostrando navios carregados com veículos blindados dos EUA atracando em duas ilhas gregas, Lesbos e Samos.
A Turquia alega que a Grécia está estacionando tropas em ilhas no mar Egeu, violando os tratados de paz assinados após a Primeira e a Segunda Guerra Mundial. Ancara entende que as ilhas do mar Egeu foram dadas à Grécia, sob os tratados de 1923 e 1947, com a condição de que não fossem armadas.
Sede do Google em Mountain View, Califórnia, EUA (arquivo)  - Sputnik Brasil, 1920, 05.10.2022

Panorama internacional

Satélites da Google revelam bases militares da Turquia e Rússia enquanto ‘ocultam’ aliados (FOTOS)



Este conteúdo foi verificado por RJ-2309 RJ-0292 RJ-0958

CMIO confirmou esta notícia. Fonte;

Via Sputnik News- IMG Autor

  Fact-checking   Autentic   DMCA   Report






Mostrar mais

CMIO

Conselho de Mídia Independente - Grupo independente, de atuação jornalística; baseado em SP. Replica e elabora conhecimentos e assuntos de utilidade pública.

Artigos relacionados

Adblock Detected.

Desative seu AdBlock para poder acessar o conteúdo gratuito. Disable your AdBlock.