Mundo

Alemanha pode cortar exportações de energia para vizinhos — FT — CMIO

  Fact-checking   Autentic   DMCA   Report






Berlim pode tomar medidas para evitar quedas de energia em casa, relata a tomada, citando operadora de rede

A Alemanha pode ter que limitar temporariamente sua exportação de eletricidade durante o próximo inverno, inclusive para a França. Isso é de acordo com Hendrik Neumann, diretor técnico da Amprion, principal operadora de rede do país, citado pelo Financial Times.

Segundo o jornal, a medida poderia ser implementada como “último recurso” para evitar quedas de energia na Alemanha. Neumann teria dito que as exportações provavelmente seriam interrompidas por várias horas de cada vez, “não dias”.

Estamos assumindo uma situação altamente estressante durante o próximo inverno,” Neumann disse ao FT, acrescentando que a atual crise de energia na Alemanha e na UE em geral é apenas parcialmente causada pela situação em torno da Ucrânia e a consequente guerra de sanções com a Rússia. Outro “problemas sobrepostos” incluem o desligamento de cerca de metade das usinas nucleares na França, bem como a escassez de carvão causada por problemas de entrega devido aos baixos níveis de água. Questões decorrentes do afastamento da maioria das usinas de geração de energia eólica de seus principais consumidores, plantas industriais, também estariam adicionando combustível ao fogo.


Gigante da energia explica por que a França enfrenta escassez de energia

A Alemanha é um grande exportador de energia há anos. No ano passado, por exemplo, vendeu 17.400 gigawatts-hora (GWh) a mais de eletricidade para outros países da UE do que importou, segundo dados do regulador da rede.

A França e a Áustria são os principais compradores de energia da Alemanha. A França importou 6.000 GWh de eletricidade da Alemanha de janeiro a março deste ano, 5% da produção total de eletricidade da Alemanha durante esse período, segundo dados do think tank Fraunhofer ISE. Esse número foi cinco vezes maior do que no mesmo período do ano passado, afirma o relatório.

Analistas dizem que uma queda nas exportações de energia alemãs pode exacerbar a escassez de oferta na França. No mês passado, surgiram relatos de que a França pode até interromper o fornecimento de energia para a Itália por dois anos, devido a problemas com usinas nucleares. No entanto, a França posteriormente negou essas alegações.

CONSULTE MAIS INFORMAÇÃO:
Itália teme que a França possa interromper o fornecimento de energia – la Repubblica

O governo francês tem instado a EDF, empresa estatal do país, a reiniciar os 32 reatores nucleares atualmente ociosos o mais rápido possível. Eles ficaram offline no início deste ano devido a problemas de corrosão e até agora estão em manutenção. A EDF disse recentemente que sua produção de energia nuclear deve cair para seu nível mais baixo em mais de 30 anos devido a problemas nas usinas envelhecidas.

Para mais matérias sobre economia e finanças, visite a seção de negócios da RT

Você pode compartilhar esta história nas redes sociais:

Verificado por RJ983

Conteúdo traduzido

Ver fonte

  Fact-checking   Autentic   DMCA   Report






Mostrar mais

CMIO

Conselho de Mídia Independente - Grupo independente, de atuação jornalística; baseado em SP. Replica e elabora conhecimentos e assuntos de utilidade pública.

Artigos relacionados

Adblock Detected.

Desative seu AdBlock para poder acessar o conteúdo gratuito. Disable your AdBlock.