Mundo

EUA empurram Europa para confronto militar com Rússia, diz presidente belarusso

  Fact-checking   Autentic   DMCA   Report







“Os Estados Unidos estão empurrando a Europa para um confronto militar com a Rússia no território ucraniano. Eles não escondem os seus planos. Os contratos já foram assinados para os anos futuros. Ou seja, vão destruir a Ucrânia totalmente. O objetivo disso será enfraquecer a Rússia e eliminar Belarus”, disse Lukashenko ao discursar em um fórum patriótico dedicado ao Dia da Unidade Nacional em Belarus.

Ele acrescentou que em todas as ações mencionadas também há mais um objetivo, que é a Europa.

“A América é o único país beneficiário do que está acontecendo aqui: [querem] colocar a Europa no seu lugar e se livrar dos concorrentes. Hoje é a Ucrânia – amanhã será a Moldávia ou os Países Bálticos, a Polônia ou a Romênia. Os Estados Unidos estão fomentando uma guerra no Kosovo, tentando exercer pressão sobre a Sérvia, lançam brasas na disputa latente em Nagorno-Karabakh, desestabilizam a situação na Síria. Nem tudo é simples no Afeganistão e nos países vizinhos. Washington está presente em todos os conflitos políticos significativos”, especificou Lukashenko.

O político sublinhou que, agindo de tal maneira na arena internacional, os políticos americanos ignoram completamente “as contradições internas à beira de um confronto civil”.
Operação russa na Ucrânia

Presidente belarusso: ‘no futuro próximo’ o mundo vai testemunhar desfecho do conflito na Ucrânia



Este conteúdo foi verificado por RJ-2309 RJ-0292 RJ-0958

CMIO confirmou esta notícia. Fonte;

Via Sputnik News- IMG Autor

  Fact-checking   Autentic   DMCA   Report






Mostrar mais

CMIO

Conselho de Mídia Independente - Grupo independente, de atuação jornalística; baseado em SP. Replica e elabora conhecimentos e assuntos de utilidade pública.

Artigos relacionados

Adblock Detected.

Desative seu AdBlock para poder acessar o conteúdo gratuito. Disable your AdBlock.