Mundo

Cientistas russos emitem alerta sobre satélite dos EUA — CMIO

Um satélite americano está se desintegrando parcialmente em órbita, colocando em risco outras naves espaciais que circulam a Terra, alertaram cientistas russos no sábado.

A nave em questão é o satélite de comunicações geoestacionário dos EUA Galaxy 11, operado pela empresa de serviços de satélite Intelsat, de acordo com o Instituto Keldysh de Matemática Aplicada da Academia de Ciências da Rússia, com sede em Moscou. Ele havia sido lançado em 1999 como um backup do satélite Intelsat 802.

Os telescópios têm seguido vários fragmentos de pequeno porte que se destacaram da Galáxia 11 e agora representam uma ameaça potencial para outros satélites em órbita, disseram os cientistas.

O Instituto Keldysh disse que as razões exatas para a desintegração da espaçonave são atualmente desconhecidas, mas sugeriu que poderia ser o resultado do envelhecimento de seu isolamento térmico, painéis solares ou outros equipamentos.

Você pode compartilhar esta história nas redes sociais:

Verificado por RJ983

Conteúdo traduzido

Ver fonte




Mostrar mais

CMIO

Conselho de Mídia Independente - Grupo independente, de atuação jornalística; baseado em SP. Replica e elabora conhecimentos e assuntos de utilidade pública.

Artigos relacionados

Adblock Detected.

Desative seu AdBlock para poder acessar o conteúdo gratuito. Disable your AdBlock.