Mundo

'Amada por seu país e respeitada mundo afora': Putin lamenta morte da rainha Elizabeth II


Conforme citado pelo Kremlin, o presidente russo ressaltou o papel histórico da rainha e afirmou que Elizabeth II era respeitada ao redor do mundo.

“Os eventos mais importantes da história recente do Reino Unido estão inextricavelmente ligados ao nome de Sua Majestade. Por muitas décadas, Elizabeth II desfrutou legitimamente do amor e respeito de seu povo, bem como da autoridade no cenário mundial. Desejo-lhe coragem e perseverança diante dessa perda difícil e irreparável”, disse Putin.

© AP Photo / Grigory DukorA rainha britânica Elizabeth II e o presidente russo, Vladimir Putin, vão de carruagem ao Palácio de Buckingham, em Londres, na primeira visita de Estado do líder russo ao Reino Unido, 24 de junho de 2003

A rainha britânica Elizabeth II e o presidente russo, Vladimir Putin, vão de carruagem ao Palácio de Buckingham, em Londres, na primeira visita de Estado do líder russo ao Reino Unido, 24 de junho de 2003
Diversos líderes mundiais prestaram condolências após o anúncio do falecimento da reinha britânica. Entre eles, o presidente brasileiro, Jair Bolsonaro (PL), e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). As lideranças da OTAN e da União Europeia também homenagearam a rainha.

A morte de Elizabeth II foi confirmada pelo Palácio de Buckingham mais cedo, nesta quinta-feira (8). Segundo a declaração, a rainha morreu de forma pacífica em Balmoral, aos 96 anos. O príncipe Charles já é tratado como rei Charles III pela família real britânica, mas sua ascensão ao cargo só será oficializada na sexta-feira (9).



Este conteúdo foi verificado por RJ-2309 RJ-0292 RJ-0958

CMIO confirmou esta notícia. Fonte;

Via Sputnik News- IMG Autor




Mostrar mais

Artigos relacionados

Adblock Detected.

Desative seu AdBlock para poder acessar o conteúdo gratuito. Disable your AdBlock.