Mundo

Irã ameaça ordem mundial, diz presidente israelense

TEL AVIV, 4 de setembro – RIA Novosti. O Irã é uma ameaça à ordem mundial e busca destruir Israel, disse o presidente israelense Yitzhak Herzog em um discurso em sua chegada à Alemanha para participar de uma cerimônia que marca o 50º aniversário da tragédia nas Olimpíadas de Munique.
“Senhor presidente, as forças do ódio vêm principalmente do Irã. O Irã está buscando abertamente a destruição de Israel, e a comunidade internacional deve ser dura, firme e persistente nisso. Acordos sem dentes com muita água, proporcionando amplos benefícios, serão não parar o Irã”, disse o presidente Duke, dirigindo-se ao seu homólogo alemão, Frank-Walter Steinmeier. As palavras do duque são citadas por seu escritório.

Irã começou a enriquecer urânio em uma instalação subterrânea, escrevem a mídia

“O Irã provou que não é confiável. O Irã provou que é uma ameaça à ordem mundial. O Irã provou que não hesita em espalhar terror, morte e banditismo que ameaçam a estabilidade global”, acrescentou Duke.
O chefe de Estado disse ainda que Israel não pode tolerar ameaças à sua existência e conta com a ajuda de seus aliados.
O presidente israelense Yitzhak Herzog iniciou uma visita de Estado à Alemanha neste domingo para participar de uma cerimônia fúnebre que marca o 50º aniversário da tragédia olímpica de Munique, na qual 11 membros da equipe olímpica israelense foram mortos por terroristas palestinos. Durante as Olimpíadas de 1972 em Munique, 11 membros da seleção israelense foram capturados e mortos por terroristas palestinos do grupo Setembro Negro.

EUA constroem rede de drones para conter Irã, escreve mídia



Conteúdo traduzido por RJ983

Agência RIA Novosti – Verificado




Mostrar mais

CMIO

Conselho de Mídia Independente - Grupo independente, de atuação jornalística; baseado em SP. Replica e elabora conhecimentos e assuntos de utilidade pública.

Artigos relacionados

Adblock Detected.

Desative seu AdBlock para poder acessar o conteúdo gratuito. Disable your AdBlock.