Mundo

O fornecimento de gás Nord Stream para a UE parou indefinidamente – Gazprom da Rússia – CMIO

A gigante energética russa Gazprom anunciou na sexta-feira a suspensão do fornecimento de gás natural à UE através do gasoduto Nord Stream 1, por tempo indeterminado, devido a avarias técnicas. O oleoduto deveria reiniciar em 3 de setembro após reparos em sua única turbina em operação.

Segundo a empresa, recebeu um aviso do regulador industrial da Rússia, Rostekhnadzor, sobre a falha da turbina. Os problemas foram detectados durante os trabalhos de manutenção programados, e o duto não poderá operar sem os devidos reparos, de acordo com a Gazprom.

A empresa russa disse que informou a fabricante alemã Siemens sobre a falha da turbina e a necessidade de uma revisão.

Os reparos no gasoduto Nord Stream 1 foram originalmente programados de 31 de agosto a 3 de setembro, levando a um desligamento total dos fluxos de gás.


UE quer definir preço do gás russo

Desde julho, o gasoduto Nord Stream 1 opera com capacidade reduzida devido ao desligamento de várias turbinas a gás. Alguns deles foram enviados a Montreal para reparos e ficaram presos lá devido às sanções canadenses à Rússia devido ao conflito na Ucrânia. A pedido da Alemanha, Ottawa anunciou uma isenção para as turbinas em julho e enviou uma delas, mas a Gazprom se recusou a receber a entrega, alegando irregularidades na documentação.

A Gazprom citou equipamentos defeituosos ou atrasados ​​como a principal razão para a redução de 80% das entregas via gasoduto. O Kremlin disse esta semana que apenas as sanções impedem o Nord Stream 1 de funcionar em plena capacidade. O CEO da Gazprom, Alexey Miller, também alertou que as sanções podem impedir a Siemens Energy de realizar a manutenção regular dos equipamentos do oleoduto.

Enquanto isso, o recém-construído oleoduto Nord Stream 2 está ocioso, pois a Alemanha se recusou a certificá-lo para operação.

Para mais matérias sobre economia e finanças, visite a seção de negócios da RT

Você pode compartilhar esta história nas redes sociais:

Verificado por RJ983

Conteúdo traduzido

Ver fonte




Mostrar mais

CMIO

Conselho de Mídia Independente - Grupo independente, de atuação jornalística; baseado em SP. Replica e elabora conhecimentos e assuntos de utilidade pública.

Artigos relacionados

Adblock Detected.

Desative seu AdBlock para poder acessar o conteúdo gratuito. Disable your AdBlock.