Mundo

Pentágono assina acordo de sistema de defesa aérea com a Ucrânia — CMIO

O Pentágono assinou um acordo de US$ 182 milhões com a fabricante de armas norte-americana Raytheon para produzir o NASAMS (National Advanced Surface-to-Air Missile Systems) para os militares ucranianos.

O trabalho em armamento de defesa aérea de curto e médio alcance será realizado nas instalações da Raytheon em Tewksbury, Massachusetts, com data de conclusão estimada em 23 de agosto de 2024, disse o Departamento de Defesa dos EUA em comunicado na sexta-feira.

No início desta semana, o presidente dos EUA, Joe Biden, anunciou mais um pacote de ajuda militar para a Ucrânia em meio ao conflito com a Rússia. Com US$ 2,98 bilhões, é o maior até hoje e incluirá seis sistemas NASAMS.

A assistência militar será financiada como parte da chamada Iniciativa de Assistência à Segurança da Ucrânia (USAI), o que significa que o hardware será produzido especificamente para Kiev e não retirado dos estoques dos EUA.

CONSULTE MAIS INFORMAÇÃO:
Biden anuncia maior pacote de armas da Ucrânia até agora

Em um artigo no início deste mês, a Air Force Magazine descreveu o NASAMS como uma peça vital de tecnologia que poderia ajudar as forças ucranianas a derrubar mísseis de cruzeiro russos, que até agora atingiram alvos no país. “quase desimpedido”.

Há muito tempo Moscou critica o fornecimento de armas a Kiev por Washington e seus aliados, dizendo que isso apenas prolonga o conflito e aumenta o risco de um confronto direto entre a Otan e a Rússia.

Você pode compartilhar esta história nas redes sociais:

Verificado por RJ983

Conteúdo traduzido

Ver fonte




Mostrar mais

CMIO

Conselho de Mídia Independente - Grupo independente, de atuação jornalística; baseado em SP. Replica e elabora conhecimentos e assuntos de utilidade pública.

Artigos relacionados

Adblock Detected.

Desative seu AdBlock para poder acessar o conteúdo gratuito. Disable your AdBlock.