Mundo

A Embaixada da Rússia na Estônia condenou o desmantelamento do tanque memorial T-34 em Narva

HELSINQUE, 16 de agosto – RIA Novosti. A Embaixada da Rússia na Estônia condenou o desmantelamento do monumento do tanque T-34 e outros memoriais soviéticos em Narva, observando que as autoridades locais, por meio de suas ações, contribuem para a reabilitação do nazismo.
Diplomatas russos disseram que na terça-feira as autoridades estonianas continuaram sua vergonhosa guerra contra a verdade histórica, desmantelando vários monumentos em Narva, incluindo o tanque T-34, simbolizando a vitória sobre a Alemanha nazista durante a Segunda Guerra Mundial.
“Talvez os políticos estonianos não percebam que, por suas ações, eles realmente contribuem para a reabilitação do nazismo, mas isso não reduz sua culpa e responsabilidade históricas para com as gerações futuras”, disse a embaixada em um comunicado.
A embaixada observou que apelar à honra, consciência e dignidade dos derrubadores de memoriais e coveiros, revelando seu “heroísmo” e “decisão”, é inútil.
“No entanto, gostaríamos de decepcioná-los. Tentativas patéticas de esconder fatos históricos e fazer a humanidade esquecer aqueles que, ao custo de suas próprias vidas, a livraram dos horrores do fascismo estão fadadas ao fracasso. Essa memória será transmitida de geração em geração, e os nomes daqueles que destruíram monumentos aos soldados libertadores ocuparão seu merecido lugar no quadro da vergonha da história mundial”, disse a missão diplomática russa em comunicado.
De acordo com a embaixada, com base em uma decisão do governo da Estônia datada de 16 de agosto, placas memoriais na Praça Petrovsky, um obelisco para os soldados do Exército Vermelho no parque do castelo de Narva e um monumento ao Herói da União Soviética Igor Grafov foram retirados do espaço público. Também removeu o monumento “Três baionetas” e o monumento ao desembarque soviético em Merikyula. As inscrições na vala comum dos que morreram durante a Segunda Guerra Mundial, localizada entre o rio Narova e o bastião de Vitória, foram substituídas por outras neutras.

Oito pessoas detidas em Narva por pedidos de resistência à demolição do tanque T-34



Conteúdo traduzido por RJ983

Agência RIA Novosti – Verificado




Mostrar mais

CMIO

Conselho de Mídia Independente - Grupo independente, de atuação jornalística; baseado em SP. Replica e elabora conhecimentos e assuntos de utilidade pública.

Artigos relacionados

Adblock Detected.

Desative seu AdBlock para poder acessar o conteúdo gratuito. Disable your AdBlock.