Mundo

Além de Taiwan, viagem de Pelosi empurrou povo coreano para mais um confronto, diz MRE norte-coreano


Segundo o funcionário da diplomacia norte-coreana, trata-se de mais uma demonstração das políticas hostis dos EUA em relação a outros países.

“A visita de Pelosi à zona desmilitarizada na fronteira entre a Coreia do Norte e a Coreia do Sul empurra o povo coreano para mais um confronto. O fato de ela ter discutido com Seul ‘uma dissuasão robusta e ampliada da ameaça norte-coreana’ e visitado a Área de Segurança Conjunta em Panmunjeom reflete a visão hostil de Washington em relação a Pyongyang”, diz a mensagem.

Além disso, Jo Yong Sam chamou a presidente da Câmara dos Representantes norte-americana de “pior destruidora da paz e estabilidade regional”, salientando que os EUA vão “pagar caro” pelos problemas que Pelosi gerou com o seu périplo asiático.
Nancy Pelosi terminou a sua digressão asiática em 6 de agosto, após ter visitado Cingapura, Japão, Coreia do Sul e Malásia. Não obstante os protestos por parte da China, a congressista acabou por também visitar Taiwan, sendo a figura norte-americana de mais alto escalão a visitar a ilha nos últimos 25 anos.
Panorama internacional

China ignora contatos telefônicos com altos comandantes do Pentágono, diz mídia



Este conteúdo foi verificado por RJ-2309 RJ-0292 RJ-0958

CMIO confirmou esta notícia. Fonte;

Via Sputnik News- IMG Autor




Mostrar mais

CMIO

Conselho de Mídia Independente - Grupo independente, de atuação jornalística; baseado em SP. Replica e elabora conhecimentos e assuntos de utilidade pública.

Artigos relacionados

Adblock Detected.

Desative seu AdBlock para poder acessar o conteúdo gratuito. Disable your AdBlock.