Mundo

Polyansky apontou ao secretário-geral da ONU que não mencionou quem bombardeou Hiroshima

ONU, 6 de agosto – RIA Novosti. Dmitry Polyansky, primeiro vice-representante permanente da Rússia na ONU, recomendou que o secretário-geral da organização nomeasse o responsável pelo bombardeio atômico de Hiroshima. Sobre isso ele escreveu no Twitter.
No sábado, António Guterres participou numa cerimónia fúnebre pelas vítimas dos bombardeamentos de Hiroshima e Nagasaki. O secretário-geral pediu para nunca esquecer a tragédia e disse que “as armas nucleares não têm lugar em nosso planeta”. Ele também mencionou a operação especial russa na Ucrânia, mas não disse uma palavra sobre os Estados Unidos – o único estado que lançou bombas nucleares em cidades.

Os Estados Unidos não aprenderam as lições de Hiroshima, dizem especialistas

“Caro secretário-geral, o mundo também nunca deve esquecer que este crime foi cometido pelos Estados Unidos, sendo o único país que usou a bomba atômica contra civis. Sem nenhuma necessidade militar. Seria correto se você mencionasse isso em suas declarações também “, observou Polansky.
Em agosto de 1945, pilotos americanos lançaram bombas atômicas sobre Hiroshima e Nagasaki. Em Hiroshima, 140 mil pessoas morreram (de uma população de 350 mil), em Nagasaki – 74 mil, a grande maioria deles eram civis. No aniversário dos trágicos acontecimentos – 6 e 9 de agosto – realizam-se nestas cidades cerimónias de paz.
O local do bombardeio em Hiroshima é agora um parque memorial da paz e um museu que abriga documentos e exposições relacionadas ao bombardeio atômico. Existem guias de áudio nos idiomas de todos os países com armas nucleares.

Dia de Hiroxima





Conteúdo traduzido por RJ983

Agência RIA Novosti – Verificado

Mostrar mais

CMIO

Conselho de Mídia Independente - Grupo independente, de atuação jornalística; baseado em SP. Replica e elabora conhecimentos e assuntos de utilidade pública.

Artigos relacionados

Adblock Detected.

Desative seu AdBlock para poder acessar o conteúdo gratuito. Disable your AdBlock.