Mundo

Fonte: Conselho de Segurança da ONU não adotará declaração sobre acordo alimentar na sexta-feira

ONU, 28 de julho – RIA Novosti. A adoção da declaração do presidente do Conselho de Segurança da ONU em apoio ao “acordo de produto” na sexta-feira não é esperada, países ocidentais se opõem à menção do memorando russo nele, também assinado em Istambul, uma fonte do Conselho de Segurança disse à RIA Novosti.
“A declaração do presidente do Conselho de Segurança da ONU em apoio ao ‘acordo de produto’ não será aceita amanhã”, disse a fonte.
Segundo ele, representantes de estados ocidentais não quiseram mencionar o memorando russo, que também foi assinado em Istambul”, disse a fonte.
Em 22 de julho, em Istambul, foram assinados acordos multilaterais sobre o levantamento das restrições ao fornecimento de produtos russos para exportação e sobre a assistência da Rússia na exportação de grãos ucranianos. O acordo, que foi assinado por representantes da Rússia, Turquia, Ucrânia e ONU, envolve a exportação de grãos, alimentos e fertilizantes ucranianos através do Mar Negro a partir de três portos, incluindo Odessa.
A ONU afirmou repetidamente sobre a ameaça de uma crise alimentar devido à escassez de grãos, o Ocidente acusou a Rússia de neutralizar o fornecimento de grãos ucranianos aos mercados mundiais, Moscou negou categoricamente tais acusações. Ao mesmo tempo, as próprias autoridades de Kyiv criaram muitos obstáculos à exportação de grãos para exportação.

Ucrânia confirmou seu interesse em executar um acordo de alimentos



Conteúdo traduzido por RJ983

Agência RIA Novosti – Verificado




Mostrar mais

CMIO

Conselho de Mídia Independente - Grupo independente, de atuação jornalística; baseado em SP. Replica e elabora conhecimentos e assuntos de utilidade pública.

Artigos relacionados

Adblock Detected.

Desative seu AdBlock para poder acessar o conteúdo gratuito. Disable your AdBlock.