Mundo

Lavrov: Rússia e África estão trabalhando para reduzir participação do dólar e do euro no comércio

  Fact-checking   Autentic   DMCA   Report







A Rússia e seus parceiros africanos estão trabalhando para reduzir consistentemente a proporção do dólar e do euro no comércio mútuo, disse na sexta-feira (22) Sergei Lavrov, ministro das Relações Exteriores russo.
“É claro que a situação geopolítica atual exige certos ajustes nos mecanismos de nossa interação: primeiro de tudo, falamos em garantir uma logística ininterrupta e estabelecer sistemas de liquidação financeira que sejam protegidos contra interferências do exterior”, explicou Lavrov.
“Em conjunto com seus parceiros, a Rússia está tomando medidas para expandir o uso de moedas nacionais e sistemas de pagamento. Estamos trabalhando para reduzir consistentemente a proporção do dólar e do euro no comércio mútuo”, disse o ministro russo.
O chanceler da Rússia acrescentou que Moscou defende a criação de um sistema financeiro independente e eficaz que seja invulnerável à influência potencial de Estados hostis.
Panorama internacional

Ante queda de dólar e euro, é possível criação de moeda de reserva do BRICS, diz ex-presidente russo

A Rússia começou a aceitar em 1º de abril pagamentos de gás de “países hostis” em rublos para abandonar os pagamentos em dólares e euros. Vladimir Putin, presidente da Rússia, sublinhou que o não pagamento das transações na moeda russa será considerado uma falha no cumprimento de obrigações contratuais.
As autoridades russas também estão trabalhando para se afastar dos dólares e euros no comércio da Rússia com outros países.



Este conteúdo foi verificado por RJ-2309 RJ-0292 RJ-0958

CMIO confirmou esta notícia. Fonte;

Via Sputnik News- IMG Autor

  Fact-checking   Autentic   DMCA   Report






Mostrar mais

CMIO

Conselho de Mídia Independente - Grupo independente, de atuação jornalística; baseado em SP. Replica e elabora conhecimentos e assuntos de utilidade pública.

Artigos relacionados

Adblock Detected.

Desative seu AdBlock para poder acessar o conteúdo gratuito. Disable your AdBlock.