Mundo

Novo pacote de sanções do Canadá contra Rússia mira indústrias metalúrgica e automobilística

  Fact-checking   Autentic   DMCA   Report







As informações foram divulgadas pelo Ministério das Relações Exteriores do país nesta quinta-feira (14).
Panorama internacional

França se vê obrigada a tomar medidas ‘drásticas’ com energia antes da chegada do inverno europeu

As novas sanções canadenses vão figurar no rol de Regulamentos de Medidas Econômicas Especiais, uma listagem criada somente para elencar as restrições determinadas contra produtos e serviços russos.
Agora, a lista ampliada inclui a indústria siderúrgica, de fabricação de computadores, de produtos eletrônicos e ópticos, de veículos automotores, de reboques e semi-reboques, de transporte terrestre e de transporte por dutos.
O Canadá também proibiu a prestação de serviços industriais aos setores de petróleo, gás, química e construção de máquinas da Rússia.
Mais cedo, o Departamento do Tesouro dos EUA suavizou parte das sanções para o comércio de alimentos e fertilizantes, além de autorizar a subsidiária da estatal russa Gazprom na Alemanha a comercializar insumos de energia.
Alto Representante da União Europeia para a Política Externa e de Segurança Comum, Josep Borrell, durante uma coletiva de imprensa após a reunião com o ministro das Relações Exteriores russo, Sergei Lavrov, na Casa de Recepção do MRE russo, 5 de fevereiro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 11.07.2022

Panorama internacional

Falas de Borrell indicam ‘transformação de opiniões’ mundial sobre conflito na Ucrânia, diz analista

No dia 28 de junho, Oleg Stepanov, embaixador da Rússia no Canadá, criticou outro pacote de sanções aplicadas por Ottawa, classificando-as como um “gesto de simbolismo vazio”, e advertiu que elas continuam destruindo as relações bilaterais.
Desde o início da operação militar especial da Rússia na Ucrânia, os EUA e seus aliados iniciaram a aplicação de uma miríade de sanções contra Moscou. Entre as medidas estão restrições econômicas às reservas internacionais russas e a suas exportações de petróleo, gás, aço e ferro.
A escalada de sanções transformou a Rússia, de forma disparada, na nação mais sancionada do mundo, segundo a plataforma Castellum.ai, serviço de rastreamento de restrições econômicas no mundo.
No total, estão em vigor 11.411 medidas restritivas contra a Rússia, segundo os cálculos do site. A quantidade é mais que o triplo das 3.637 sanções impostas pelo Ocidente ao Irã. Na sequência, aparecem a Síria (2.614), a Coreia do Norte (2.111), Belarus (1.133), a Venezuela (651) e Mianmar (567).
Bandeira nacional do Canadá no carro da embaixada canadense em frente ao prédio do Ministério das Relações Exteriores da Federação da Rússia, para onde foram convocados embaixadores de países que expulsaram diplomatas russos - Sputnik Brasil, 1920, 24.03.2021

Rússia critica sanções do Canadá e alerta: ‘Estão fadadas ao fracasso’



Este conteúdo foi verificado por RJ-2309 RJ-0292 RJ-0958

CMIO confirmou esta notícia. Fonte;

Via Sputnik News- IMG Autor

  Fact-checking   Autentic   DMCA   Report






Mostrar mais

CMIO

Conselho de Mídia Independente - Grupo independente, de atuação jornalística; baseado em SP. Replica e elabora conhecimentos e assuntos de utilidade pública.

Artigos relacionados

Adblock Detected.

Desative seu AdBlock para poder acessar o conteúdo gratuito. Disable your AdBlock.