Mundo

Mídia: Primeiro-ministro búlgaro culpou sua renúncia como embaixador russo

MOSCOU, 23 de junho – RIA Novosti. O primeiro-ministro búlgaro Kiril Petkov, depois que o parlamento aprovou um voto de desconfiança em seu governo, atribuiu a responsabilidade por isso a três políticos e à embaixadora russa no país, Eleonora Mitrofanova.
Entre os políticos nomeados estão o empresário e ex-deputado Delyan Peevski, Boyko Borisov, que lidera o partido GERB, cujos deputados apresentaram um voto de desconfiança, e Slavi Trifonov, cujo partido There Are Tal People (ETN) já havia deixado o governo. aliança.

Oposição apresenta voto de desconfiança ao governo búlgaro

“Foi uma honra para mim liderar o governo que derrubou Peevski, Borisov, Trifonov e Mitrofanova”, disse Petkov ao jornal Novinite.
De acordo com a rádio BNR, Petkov também disse que, enquanto no poder, queria proteger os interesses do país, e a “penetração dos interesses russos” foi possível devido às ações do partido da oposição renascentista.
Anteriormente, a Televisão Nacional Búlgara (BNT) informou que o Parlamento búlgaro votou por um voto de desconfiança no governo de coalizão. 123 deputados votaram a favor do voto de desconfiança e da renúncia do governo, 115 votaram contra. De acordo com a lei, 121 parlamentares tiveram votos suficientes para aprovar a iniciativa.

Parlamento da Bulgária aprova voto de desconfiança no governo



Conteúdo traduzido por RJ983

Agência RIA Novosti – Verificado

Mostrar mais

CMIO

Conselho de Mídia Independente - Grupo independente, de atuação jornalística; baseado em SP. Replica e elabora conhecimentos e assuntos de utilidade pública.

Artigos relacionados

Adblock Detected.

Desative seu AdBlock para poder acessar o conteúdo gratuito. Disable your AdBlock.