Manchetes

Saiba quem foram as ministras do período ‘Brasil democrático’

 

Com o anúncio dos ministros na última quinta-feira (12), o governo interino de Michel Temer é o primeiro do período democrático a não ter nenhuma mulher na Esplanada. De 1990 até os dias de hoje, foram 34 ministras de estado. O governo Dilma foi o que teve o maior número de mulheres: 18 ministras durante os cerca de cinco anos e meio de governo.

As nove ministras do primeiro mandato de Dilma Rousseff

Creative Commons – CC BY 3.0 -As nove ministras do primeiro mandato de Dilma Rousseff

Roberto Stuckert Filho/PR

O governo Lula abrigou 11 mulheres entre 2003 e 2011. O governo de Fernando Henrique Cardoso contou com a participação de duas mulheres entre 1995 e 2002. Itamar Franco, de 1992 a 1994, também nomeou duas ministras e Fernando Collor apenas uma.

Relembre quem foram as mulheres que ocuparam pastas na Esplanada dos Ministérios durante a democracia.

 

Zélia Cardoso de Mello

Zélia Cardoso de Melo.

Creative Commons – CC BY 3.0 – Zélia Cardoso de Melo participando de um evento em Brasília em 2008 . Marcello Casal Jr./ ABr

Zélia Cardoso foi ministra da Economia, Fazenda e Planejamento durante o Governo Fernando Collor, entre 1990 e 1991.

Margarida Coimbra do Nascimento

 Margarida Coimbra do Nascimento

Creative Commons – CC BY 3.0 – Margarida Coimbra do Nascimento tomando posse como ministra de Itamar Franco – Divulgação/Facebook

Margarida Coimbra foi ministra dos Transportes durante o governo Itamar Franco, entre 1993 e 1994.

Yeda Crusius

Yeda Crusius na Câmara dos Deputados

Creative Commons – CC BY 3.0 – Yeda Crusius na Câmara dos Deputados – Victor Soares/ABr

Yeda Crusius foi governadora do Rio Grande do Sul (2007 e 2011), ministra do Planejamento de Itamar Franco em 1993 e deputada federal entre os anos de 1996 e 2006.

Cláudia Costin

Claudia Costin

Creative Commons – CC BY 3.0 – Claudia Costin como secretária Municipal do Rio – Divulgação/Instituto Ayrton Senna

Cláudia Costin foi ministra da Administração e Reforma do Estado do governo Fernando Henrique Cardoso no ano de 1998. Foi secretária de Culutra do Estado de São Paulo e secretária Municipal de Educação do Rio de Janeiro.

Dorothea Werneck

Dorothea Werneck

Creative Commons – CC BY 3.0 – Dorothea Werneck como secretária de Estado em Minas Gerais – Omar Freire / Imprensa MG

Dorothea Werneck foi ministra da Industria e Comércio durante o governo Fernando Henrique Cardoso, entre 1995 e 1996. A economista já havia sido ministra do Trabalho durante o governo de José Sarney entre 1989 e 2000. Ela também foi secretária de Estado de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais entre 2011 e 2014.

Benedita da Silva

Benedita da Silva como ministra da Promoção e Assistência Social.

Creative Commons – CC BY 3.0 – Benedita da Silva como ministra da Promoção e Assistência Social. Ana Nascimento/ABr

Benedita da Silva foi ministra da Secretaria Especial da Assistência e Promoção Social do Governo Lula entre 2003 e 2006. Foi vice-governadora (1999-2002) e governadora do Rio de Janeiro (2002). Benedita é deputada federal, por seu quarto mandato, senadora, vereadora e secretária de Estado.

Dilma Rousseff

 Dilma Rousseff como ministra-chefe da Casa Civil em 2009

Creative Commons – CC BY 3.0 – Dilma Rousseff como ministra-chefe da Casa Civil em 2009 – Elza Fiúza/ABr

A presidente afastada Dilma Rousseff foi ministra de Minas Energia (2003-2005) e da Casa-Civil (2005-2010) durante os dois governos Lula. Dilma foi duas vezes eleita presidenta da República em 2010 e 2014. Ela também foi secretária de Estado no Rio Grande do Sul e secretária Municipal de Porto Alegre.

Emília Fernandes

Emília Fernandes como ministra da Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres

Creative Commons – CC BY 3.0 – Emília Fernandes como ministra em evento do governo Lula – Elza Fiuza/ABr

Emília Fernandes foi ministra da Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres do governo Lula entre 2003 e 2004. Foi senadora (1995-2002) e deputada federal (2009-2011) pelo Rio Grande do Sul.

Erenice Guerra

Erenice Guerra no programa Bom Dia Ministro

Creative Commons – CC BY 3.0 – Erenice Guerra no programa Bom Dia Ministro – Paulo H. Carvalho / Casa Civil – PR

Erenice Guerra foi ministra-chefe da Casa Civil entre abril e setembro de 2010.

Izabella Teixeira

Izabella Teixeira

Creative Commons – CC BY 3.0 – A ministra Izabella Teixeira durante reunião do Conselho Nacional do Meio Ambiente em 2012 – Foto: Marcello Casal Jr./ABr

Izabella Teixeira foi titular do Ministério do Meio Ambiente do Brasil entre abril de 2010 e maio de 2016, durante o final do governo Lula e todo o governo Dilma.

Márcia Lopes

 A ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Márcia Lopes participa da abertura do seminário Indicadores e Monitorame

Creative Commons – CC BY 3.0 – Márcia Lopes participa de evento sobre direito humano à alimentação – Foto: Wilson Dias/ABr
 

Márcia Lopes foi ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) durante o ano de 2010. Foi coordenadora da Rede de Pobreza e Proteção Social dos países da América Latina e Caribe no BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento. Foi eleita vereada em Londrina em 2000.

Marina Silva

Marina Silva

Creative Commons – CC BY 3.0 – Marina Silva durate candidatura presidencial – José Cruz / Abr

Marina Silva foi minista do Meio Ambiente do governo Lula de 2003 a 2008. Em 2010 e 2014, foi candidata à Presidência da República. Marina foi eleita senadora em 1994 pelo estado do Acre, sendo a pessoa mais jovem a ocupar o cargo no Brasil, e reeleita em 2002. Também foi deputada estadual e vereadora.

Marta Suplicy

O programa Bom Dia, Ministro recebe a ministra da Cultura, Marta Suplicy

Creative Commons – CC BY 3.0 – Marta Suplicy no programa Bom Dia, Ministro. Foto: Elza Fiuza/ABr

Marta Suplicy foi nomeada para o ministério do Turismo em 2007, após a reeleição de Lula, ficando no cargo até 2008. No governo Dilma Rousseff assumiu a pasta da Cultura em setembro de 2012. Permanece no cargo até novembro de 2014 quando pede demissão do governo e volta a exercer seu mandato no Senado, para o qual foi eleita em 2010. Foi deputada federal por São Paulo de 1995 a 1998 e prefeita de São Paulo de 2000 a 2004.

Matilde Ribeiro

Brasília - A ministra da Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, Matilde Ribeiro, fala na 2ª Conferênc

Creative Commons – CC BY 3.0 – Brasília – Matilde Ribeiro durante a Conferência Nacional de Políticas para as Mulheres em 2007. Foto: Roosewelt Pinheiro/ABr

Matilde Ribeiro ocupou o cargo de ministra da Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir) de março de 2003 a fevereiro de 2008, durante o governo Lula.

Nilcéia Freire

Nilcéia Freire

Creative Commons – CC BY 3.0 – Nilcéia Freire – Foto: Antônio Cruz / ABr

Em 27 de janeiro de 2004 foi empossada na Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres do Governo Lula onde permaneceu até 2011.

Sandra Meia Starling

Foi ministra interina do Trabalho no governo Luiz Inácio Lula da Silva, de 8 de janeiro a 31 de julho de 2003.

Ana de Hollanda

ana de hollanda

Creative Commons – CC BY 3.0 -ana de hollanda

 

Ministra da Cultura do governo Dilma entre janeiro de 2011 e setembro de 2012.De 1983 a 1985, chefiou o setor musical do Centro Cultural São Paulo. Foi secretária de Cultura do município de Osasco Entre 1986 e 1988 e dirigiu o Centro de Música da Funarte, durante a gestão do ator Antonio Grassi de 2003 a 2007.

Eleonora Menicucci

Ministra Eleonora Menicucci II

Creative Commons – CC BY 3.0 -Ministra Eleonora Menicucci II

 

Socióloga feminista comandou a secretaria Especial de Políticas para as Mulheres de fevereiro de 2012 a outubro de 2015.

Eva Maria Cella Dal Chiavon

Eva Maria Chiavon

Creative Commons – CC BY 3.0 -Eva Maria Chiavon

Marcello Casal Jr / ABr

Anunciada como sucessora de Jaques Wagner como ministra da Casa Civil, assumindo interinamente o posto no lugar do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em 22 de março de 2016

Anteriormente foi chefe da Casa Civil da Bahia, no primeiro governo Wagner, e chefe de gabinete na Câmara dos Deputados.Eva também participou do conselho de administração do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e foi substituída por Nelson Barbosa.

Emília Maria Silva Ribeiro Curi

Emília Curi

Creative Commons – CC BY 3.0 -Emília Curi

Renato Araújo

 

Assumiu interinamente o ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) após a saída de Celso Pansera (PMDB/RJ) em abril de 2016. Atuou por doze anos como assessora especial e parlamentar no Ministério da Educação. Em 2003, assumiu o cargo de assessora especial da Presidência do Senado. Teve duas passagens pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Entre 2005 e 2008, foi vice-presidente do Conselho Consultivo. Nomeada para a diretoria da agência reguladora, assumiu o cargo em 2008 após aprovação pelo Senado Federal.

Em 2014 retornou ao Senado onde ocupou a chefia de gabinete da presidência até ser nomeada secretária-executiva do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação em abril do ano seguinte.

Gleisi Hoffman

A ministra-chefe da Casa Civil da Presidência da República, Gleisi Hoffmann, é a entrevistada do programa Bom Dia, ministro

Creative Commons – CC BY 3.0 -A ministra-chefe da Casa Civil da Presidência da República, Gleisi Hoffmann, é a entrevistada do programa Bom Dia, ministro

 

Foi indicada ministra-chefe da Casa Civil em junho de 2011, após o pedido de demissão de Antonio Palocci. Atuou como direitora funanceira da Itaipu Binacional de 2002 até o início de 2006. Elegeu-se senadora pelo Paraná em 2010.

 

Helena Chagas

Helena Chagas

Creative Commons – CC BY 3.0 -Helena Chagas

 

Jornalista, foi ministra-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República Federativa do Brasil de 2010 a 2014. Ocupou a Diretoria de Jornalismo da Empresa Brasil de Comunicação (EBC) de 2007 a abril de 2010.

Ideli Salvatti

Maria do Rosário transmite o cargo para a nova ministra da Secretaria de Direitos Humanos, Ideli Salvatti

Creative Commons – CC BY 3.0 -Maria do Rosário transmite o cargo para a nova ministra da Secretaria de Direitos Humanos, Ideli Salvatti

 

Assume o ministério da Pesca e Aquicultura após a posse de Dilma, onde permanece até junho de 2011, quando é nomeada ministra da Secretaria de Relações Institucionais, órgão de articulação política do governo junto ao Congresso. Assume a Secretaria de Direitos Humanos em 2010 em substituição à ex-ministra Maria do Rosário. Permabnece no comando da pasta até 16 de abril de 2015.

Em 1994, foi eleita pela primeira vez para o mandato de deputada estadual (1995-1998) e reeleita em 1998 (1999-2002) para seu segundo mandato. Em 2002 foi a primeira mulher a ser eleita senadora do estado de Santa Catarina. Liderou a bancada petista no Senado a partir de 2006 e, em 2009 foi líder do governo no Congresso.

Inês Magalhães

Inês Magalhães

Creative Commons – CC BY 3.0 -Inês Magalhães

Wilson Dias / Abr

Inês Magalhães assumiu o ministério das Cidades em abril deste ano após a saíde de Gilberto Kassab (PSD-SP) da pasta. Atuou na pasta desde o governo Lula como secretária Nacional de Habitação.

Iriny Lopes

iriny lopes câmara dos deputados

Creative Commons – CC BY 3.0 -iriny lopes câmara dos deputados

 

Assumiu a Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres no primeiro governo de Dilma Rousseff, onde permaneceu até 10 de fevereiro de 2012. Foi eleita deputada federal, em 2002 e reeleita em 2006 e em 2010.

Kátia Abreu

Na foto: A senadora Katia Abreu, presidenta da CNA.

Creative Commons – CC BY 3.0 -Na foto: A senadora Katia Abreu, presidenta da CNA.

 

Empresária pecuarista assumiu o ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento durante o segundo mandato de Dilma Rousseff. Em 1998 se elegeu primeira suplente por Tocantins na Câmara dos Deputados. Assumiu a vaga em duas oportunidades entre abril de 2000 e abril de 2002. Foi escolhida para presidir a Bancada ruralista no Congresso Nacional. Em 2002, foi eleita para a Câmara dos Deputados como deputada federal e em 2006 para o Senado.

Luiza Bairros

Luiza Bairros no Bom Dia, Ministro

Creative Commons – CC BY 3.0 -Luiza Bairros no Bom Dia, Ministro

 

Foi ministra-chefe da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial do Brasil entre 2011 e 2014, após ocupar desde 2008 a secretaria de Promoção da Igualdade Racial na Bahia no governo Jaques Wagner.

Maria Fernanda Ramos

Maria Fernanda

Creative Commons – CC BY 3.0 -Maria Fernanda

Elza Fiúza / Abr

Com a saída do ministro Patrus Ananias, em função da votação do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff, assumiu interinamente o Ministério do Desenvolvimento Agrário, entre 14 e 19 de abril, quando o ministro foi reconduzido ao cargo. Foi presidente da Caixa Econômica Federal de março de 2006 a março de 2011, quando recebeu um convite da ministra do Planejamento Miriam Belchior para assumir a diretoria do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), em Washington.

Maria do Rosário

Maria do Rosário

Creative Commons – CC BY 3.0 -Maria do Rosário

 

Foi ministra da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República durante o primeiro mandato de Dilma Rousseff até 1º de abril de 2014. Foi vereadora em Porto Alegre entre 1993 e 1996, quando foi reeleita. Em 1998 foi eleita deputada estadual no Rio Grande do Sul. Em 2003 assumiu seu primeiro mandato como deputada federal pelo Rio Grande do Sul e, em 2006, foi reeleita.

Miriam Belchior

Ministra Miriam Belchior

Creative Commons – CC BY 3.0 -Ministra Miriam Belchior

 

Assumiu Planejamento, Orçamento e Gestão no primeiro mandato de Dilma Rousseff até janeiro de 2015. Em fevereiro assumiu a presidência da Caixa Econômica Federal. Foi assessora especial da Presidência da República de janeiro de 2003 a junho de 2004 durante o governo Lula, após ter sido subchefe de Articulação e Monitoramento da Casa Civil da Presidência da República a partir junho de 2004.

Em 2007 ocupou a secretaria executiva do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). A partir de abril de 2010, com a saída da então ministra Dilma Rousseff do governo, tornou-se Coordenadora Geral do (Programa de Aceleração do Crescimento) PAC.

Nilma Lino Gomes

Ministra Nilma Lino no Bom Dia Ministro, nesta quarta-feira, 13 maio

Creative Commons – CC BY 3.0 -Ministra Nilma Lino no Bom Dia Ministro, nesta quarta-feira, 13 maio

 

Assumiu em 2 de outubro de 2015 o novo Ministério das Mulheres, da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos, que uniu as secretarias de Políticas para Mulheres, Igualdade Racial, Direitos Humanos e parte das atribuições da Secretaria-Geral. Permaneceu no cargo até o dia do afastamento de Dilma pelo Senado Federal.

Tereza Campello

Tereza Campello no Bom Dia, Ministro

Creative Commons – CC BY 3.0 -Tereza Campello no Bom Dia, Ministro

 

Foi ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) de janeiro de 2011 a 12 de maio de 2016. Durante o governo Lula ocupou a subchefia de Articulação e Monitoramento da Casa Civil.

 

 
 
Creative Commons – CC BY 3.0

Fale com a Ouvidoria

Deixe seu comentário

Mostrar mais

CMIO

Conselho de Mídia Independente - Grupo independente, de atuação jornalística; baseado em SP. Replica e elabora conhecimentos e assuntos de utilidade pública.

Artigos relacionados

Adblock Detected.

Desative seu AdBlock para poder acessar o conteúdo gratuito. Disable your AdBlock.