Esportes

Makhachev responde à pergunta de Chimaev se juntar ao campo de Khabib — CMIO Esportes

  Fact-checking   Autentic   DMCA   Report






As negociações de paz foram realizadas com o lutador checheno após sua briga com Abubakar Nurmagomedov à margem do UFC 280

Não há planos para o lutador do UFC Khamzat Chimaev treinar com a equipe liderada por Khabib Nurmagomedov, apesar de os dois campos terem curado uma fenda que foi exposta em uma briga no cage em Abu Dhabi na semana passada, de acordo com o campeão dos leves Islam Makhachev.

O MMA russo entrou em conflito no UFC 280 quando o lutador checheno Chimaev lutou na Etihad Arena com Abubakar Nurmagomedov – primo de Khabib – logo após Makhachev ter conquistado o título até 155 libras com uma finalização no segundo round de Charles Oliveira.

O conflito eclodiu depois que a dupla dos meio-médios Nurmagomedov e Chimaev foram vistas inicialmente de mãos dadas antes que o checheno parecesse atacar seu compatriota russo.

As cenas desagradáveis ​​levaram a uma cúpula de paz no último domingo, na qual Khabib disse que todos os envolvidos se desculparam e que concordaram em deixar o incidente para trás.


Chimaev briga com primo de Khabib no UFC 280 (VÍDEO)

A lenda aposentada do Daguestão também disse que espera se reunir com Chimaev assim que a invicta estrela chechena conquistar seu próprio título do UFC.

Apesar das palavras calorosas, Makhachev indicou que Chimaev não estava pronto para se juntar à sua equipe, já que o novo campeão dos leves do UFC voltou para casa para uma recepção de herói no Daguestão nesta semana.

“Treinamos em clubes diferentes. Até agora não houve planos ou negociações sobre treinamento conjunto”, disse. Makhachev disse à TASS quando perguntado sobre a possibilidade.

Chimaev, de 28 anos, colocou-se firmemente na disputa pelo título de campeão após desmantelar cada um dos adversários que enfrentou dentro do octógono – com exceção do brasileiro Gilbert Burns, que o levou a distância em um clássico instantâneo em abril.

Chimaev emigrou para a Suécia ainda adolescente e se estabeleceu no Allstars Gym em Estocolmo, mas é frequentemente visto treinando em Grozny em suas viagens de volta à sua terra natal.

Sua briga com Abubakar Nurmagomedov explodiu depois que a dupla teria trocado palavras online no ano passado, em uma disputa que aparentemente começou quando Nurmagomedov se opôs aos comentários feitos sobre seu primo.

CONSULTE MAIS INFORMAÇÃO:
Chefe do UFC revela planos para conquistar a Chechênia

Khabib e o líder checheno Ramzan Kadyrov pareceram ter desempenhado um papel importante em garantir que houvesse uma rápida reconciliação após o desentendimento público na Etihad Arena no último sábado.

Enquanto isso, Chimaev divulgou esta semana o ex-desafiante ao título dos meio-médios americano Colby Covington como seu próximo oponente, compartilhando um pôster de luta simulado da dupla em suas contas de mídia social.

O presidente do UFC, Dana White, disse em Abu Dhabi na semana passada que gostaria de ver Chimaev contra Covington, potencialmente como o co-evento principal de um card blockbuster encabeçado pela revanche pelo título dos meio-médios entre Leon Edwards e Kamaru Usman no Reino Unido no ano que vem.

Chimaev está invicto em 12 lutas profissionais de MMA, incluindo cinco lutas no UFC.

‘Borz’ lutou pela última vez em setembro, quando precisou de menos de um round para finalizar o rival americano Kevin Holland em uma luta pelo peso-casado que foi agendada às pressas depois que Chimaev pesou pesado para uma luta principal planejada contra o ícone do UFC Nate Diaz.

Verificado por RJ983

Conteúdo internacional

Ver fonte

  Fact-checking   Autentic   DMCA   Report






Mostrar mais

CMIO

Conselho de Mídia Independente - Grupo independente, de atuação jornalística; baseado em SP. Replica e elabora conhecimentos e assuntos de utilidade pública.

Artigos relacionados

Adblock Detected.

Desative seu AdBlock para poder acessar o conteúdo gratuito. Disable your AdBlock.