Esportes

Header de vingança do UFC 281 anunciado para Adesanya — CMIO Esportes

O neozelandês enfrentará o arqui-inimigo brasileiro Alex Pereira no Madison Square Garden

O campeão peso médio do UFC Israel Adesanya terá a chance de vingar duas de suas derrotas mais dolorosas em esportes de combate no dia 12 de novembro no Madison Square Garden.

Conforme anunciado pela promoção de elite do MMA na noite de sexta-feira, o neozelandês deve enfrentar o amargo rival brasileiro Alex Pereira na luta principal do UFC 281, em Nova York.

Com Pereira ostentando duas vitórias sobre Adesanya em seus dias de kickboxing, a última das quais, em 2017, foi entregue por nocaute brutal, ‘The Last Stylebender’ tem a chance de se vingar de ‘Stone Hand’ de uma vez por todas, o que é não perdeu para ele.

Postando no Twitter pouco depois do anúncio do UFC, Adesanya compartilhou uma foto da dupla e escreveu: “A vingança é minha, diz o senhor.”

“Brooooo, eu disse a mesma coisa também! Isso acaba aqui. Mate ou seja morto.” ele adicionou.

Ao conhecer Pereira, o UFC e seu presidente Dana White honram os desejos de Adesanya, que se tornaram públicos após sua última luta contra Jared Cannonier.

Após cruzar para uma vitória por decisão unânime sobre o americano no UFC 276, Adesanya chamou Pereira e ameaçou “congelado como Elsa” em referência ao popular filme da Disney – uma observação que o encontrou ridicularizado por outro arqui-inimigo no ex-governante dos meio-pesados ​​Jon Jones.

Pereira havia impressionado no início do card ao esmagar Sean Strickland com um nocaute brutal no primeiro round, e se juntou à multidão de fãs de luta descontentes, incluindo o astro de Hollywood Chris Pratt, que não se comoveu com a vitória tímida de Adesanya sobre Cannonier.

Pereira disse que “verdade” chateá-lo “para ver como ele [Adesanya] lutou esta noite”.

“Uma apresentação como essa é um desrespeito à multidão”, Pereira continuou por meio de um tradutor.

“Vi milhares e milhares de pessoas aqui, não conseguia nem contar quantas, e é triste ver as pessoas vaiando assim durante uma luta pelo título.

“As pessoas estavam saindo no quarto round como se a luta tivesse acabado. Isso realmente me incomoda”, disse. concluiu Pereira.


Estrela de Hollywood Pratt recua na briga com campeão do UFC

Terminando sua carreira no kickboxing com um histórico respeitável de 75-5, Adesanya está 23-1 no MMA e invicto na divisão dos médios.

Desde que se tornou campeão em 2019 ao parar Rob Whittaker no UFC 243 em Melbourne, Adesanya montou cinco defesas da faixa de 185lbs e está em uma sequência de três vitórias consecutivas desde que perdeu uma tentativa de se tornar um rei de duas divisões novamente, então peso meio-pesado campeão Jan Blachowicz em março do ano passado.

Quanto a Pereira, que é dois anos mais velho que Adesanya aos 35, ele só fez sua estreia no UFC no UFC 268 no Madison Square Garden em novembro de 2021 e vai lutar pelo título lá um ano e seis dias depois.

Perdendo sua estreia no MMA, ele embarcou em uma série de seis vitórias para melhorar para 6-1, com cinco dessas vitórias.

No UFC, Pereira está 3-0 e já tem dois bônus de Performance da Noite em seu nome.

Você pode compartilhar esta história nas redes sociais:

Verificado por RJ983

Conteúdo internacional

Ver fonte

Mostrar mais

CMIO

Conselho de Mídia Independente - Grupo independente, de atuação jornalística; baseado em SP. Replica e elabora conhecimentos e assuntos de utilidade pública.

Artigos relacionados

Adblock Detected.

Desative seu AdBlock para poder acessar o conteúdo gratuito. Disable your AdBlock.