Destaques

Com reabertura gradual, serviços não essenciais voltam a funcionar no Maranhão

  Fact-checking   Autentic   DMCA   Report






Segmentos com atividades não essenciais puderam voltar a funcionar nesta segunda-feira (01) no Maranhão. Os estabelecimentos autorizados foram determinados em portaria publicada pelo governo estadual.

Estão na lista, por exemplo, hotéis e pousadas; clínicas médicas; dentistas; transporte coletivo; óticas; autoescolas; construção civil e salões de beleza. A medida faz parte da retomada gradual da economia maranhense, impactada pela pandemia do novo coronavírus.

A portaria traz regras sanitárias específicas para indústrias, empresas e estabelecimentos comerciais autorizados a funcionar. Também começou nesta segunda-feira (01), a retomada gradual do funcionamento dos órgãos do Poder Executivo estadual.

Entre os segmentos que continuam vetados, estão academias, shopping centers, cinemas, teatros, bares e casas noturnas. Os restaurantes e lanchonetes só podem atuar com delivery e drive thru. Permanecem suspensas ainda as visitas a pacientes suspeitos ou confirmados com coronavírus.

Segundo o governo do Maranhão, a reabertura de outros segmentos vai ser avaliada, semanalmente, a depender da evolução da epidemia no estado. Já são mais de 35 mil e 200 casos confirmados de coronavírus no Maranhão. Novecentas e 76 pessoas morreram por causa da doença e mais de 10 mil e 200 pessoas se recuperaram.

Diante da situação de cada município, os prefeitos podem editar regras mais rígidas do que as estabelecidas pelo governo estadual, até mesmo o lockdown e a instalação de barreiras sanitárias nos acessos de cada cidade.

  Fact-checking   Autentic   DMCA   Report






Mostrar mais

CMIO

Conselho de Mídia Independente - Grupo independente, de atuação jornalística; baseado em SP. Replica e elabora conhecimentos e assuntos de utilidade pública.

Artigos relacionados

Adblock Detected.

Desative seu AdBlock para poder acessar o conteúdo gratuito. Disable your AdBlock.