Criptomoedas

IRS adiciona NFTs no rascunho de orientação fiscal

  Fact-checking   Autentic   DMCA   Report






O Internal Revenue Service ajustou suas instruções fiscais anuais para contabilizar tokens não fungíveis (NFTs), substituindo o termo “moeda virtual” por “ativos digitais”, que incluem NFTs.

A mudança ocorre à medida que os regulamentos de criptomoedas se desenvolvem em todo o mundo, e alguns aspectos do mercado, como NFTs, são mais difíceis de categorizar do que outros. O aumento dos NFTs em 2021, que podem ser difíceis de regular, levou governos e agências financeiras a voltarem sua atenção para eles.

Principais conclusões

  • A orientação do IRS sobre tributação de criptomoedas foi atualizada para 2022.
  • O rascunho atualizado do formulário fiscal do Formulário 1040 para 2022 altera o termo “moeda virtual” para “ativos digitais” mais amplos e se refere explicitamente a NFTs.
  • No que pode ser um precedente, o IRS recebeu uma ordem judicial federal que lhe permitiu questionar um banco sobre se alguns contribuintes podem ter falhado em declarar e pagar impostos sobre transações criptográficas.

Os NFTs obtêm uma definição mais clara

O IRS alterou a redação de sua orientação tributária nos últimos anos para contabilizar a classe do mercado de criptomoedas, já que os investidores em criptomoedas se perguntam sobre como registrar a tributação de suas NFTs.

O rascunho atualizado para o Formulário 1040 também faz referência explícita a NFTs. A orientação para criptomoedas diz que se um determinado ativo tiver as características de um ativo digital, ele será tratado como tal para fins de imposto de renda federal.

Os NFTs perderam parte de sua popularidade este ano. Ainda assim, muitas empresas e marcas ainda estão entrando no espaço.

O IRS no ano passado começou a aplicar regras mais rigorosas sobre impostos sobre criptomoedas e lançou regras mais explícitas. A orientação fiscal de 2022 exige pagamentos em cenários que incluem receber ativos digitais como pagamento ou recompensa, por meio de mineração ou aposta, por meio de um hard fork, vendê-los e transferi-los como presentes.

IRS facilitando a declaração de impostos sobre criptomoedas

O IRS tem trabalhado na orientação do imposto cripto desde 2014 para torná-lo mais claro para os contribuintes. Os últimos desenvolvimentos indicam que a agência está se familiarizando com o mercado de criptomoedas e sua terminologia.

NFTs, mineração, staking, hard forks e outros aspectos da tecnologia foram contabilizados na orientação do IRS, o que sugere maior conhecimento das sutilezas do setor no serviço tributário federal. Isso, por sua vez, ajuda os investidores em criptomoedas que desejam ser honestos sobre o cumprimento de suas obrigações fiscais.

Enquanto isso, o IRS visa convocar e multar aqueles que não pagam impostos adequadamente sobre atividades criptográficas. em setembro, a agência obteve uma ordem judicial federal autorizando uma intimação para um banco produzir informações sobre contribuintes americanos que podem não ter reportado ao IRS e pago impostos sobre suas transações de criptomoeda.

Conclusão

A alteração da instrução tributária do IRS de 2022 sobre ativos digitais, incluindo NFTs, evolui da orientação anterior do IRS, à medida que a agência trabalha para garantir que todos os aspectos do mercado sejam cobertos.

Os investidores cripto nos EUA podem se confortar com o fato de que o processo de tributação de ativos digitais está se tornando mais claro. Tais mudanças conferem crescente legitimidade ao mercado de criptomoedas.

Disclaimer: Notícias antecipadas trazidas do exterior – RJ983

Traduzido do original – fonte

  Fact-checking   Autentic   DMCA   Report






Mostrar mais

CMIO

Conselho de Mídia Independente - Grupo independente, de atuação jornalística; baseado em SP. Replica e elabora conhecimentos e assuntos de utilidade pública.

Artigos relacionados

Adblock Detected.

Desative seu AdBlock para poder acessar o conteúdo gratuito. Disable your AdBlock.