Osasco

EXPO Emprego atrai cerca de 7 mil pessoas ao evento

Foram 12 horas de programação com painéis, debates, simpósios e feirão do emprego.

Texto: Olga Liotta
Imagens: Marcelo Deck e Fernanda Cazarini

A primeira Expo Emprego Osasco – Feira do Emprego, Qualificação e Empreendedorismo -, promovida pela Secretaria do Emprego, Trabalho e Renda (SETRE) da Prefeitura de Osasco, em parceria com a Faculdade Anhanguera, foi sucesso de adesão e contou com uma intensa programação, com 12 horas de duração (das 8h às 20h), envolvendo 60 empresas parceiras e expositores.

A Expo Emprego aconteceu no campus da Faculdade Anhanguera, na Vila Yara, e teve participação de quase 7 mil pessoas, moradores de Osasco, São Paulo, Vargem Grande Paulista, Carapicuíba e outras cidades vizinhas.

Paralelamente aos debates, painéis e oficinas com profissionais renomados do mercado, foi realizado um feirão de empregos que ofertou 3,2 mil vagas de trabalho nas mais diversas áreas para todos os níveis de escolaridade. Dessas mais de 3 mil vagas, 300 delas foram exclusivas para Pessoas com Deficiência. Essa atividade foi comandada pelo Portal do Trabalhador, e só por ela passaram mais de 3 mil pessoas.

A maior demanda de oferta de vagas veio por meio do Portal do Trabalhador, as demais via sistema SINE, do Ministério do Trabalho, e das empresas expositoras que também receberam currículos.

O prefeito de Osasco, Rogério Lins, esteve no local, visitou os estandes, conferiu algumas oficinas e conversou com moradores. “Essa foi uma importante parceria entre poder público e setor privado e que mobilizou muitos parceiros e colaboradores para mais um importante serviço de reinserção da população no mercado de trabalho, além de oferecer diversas atividades, como painéis e simpósios apresentando temas atualizados sobre mercado de trabalho, tecnologia, empreendedorismo, ensino profissionalizante, entre outros assuntos”, comentou Lins.

Bruna Beltrão, 30, moradora do Jardim Elvira, formada em logística, estava em busca de uma vaga na área. Ela conseguiu entrevista numa empresa suíça, considerada líder mundial em Recursos Humanos. “Estou ansiosa, mas na expectativa que já deu tudo certo”, comentou.

Alex S., da Vila Ariston (Carapicuíba), chegou ao feirão confiante. Na triagem de currículos conseguiu duas cartas de encaminhamento. Após processo seletivo, aproveitou para fazer algumas oficinas. “Foi muito bom. Fui bem atendido e encaminhado para entrevistas em duas empresas por conta da minha experiência, então tenho esperança de conseguir uma das vagas”, disse.

“O intuito da EXPO Emprego foi, além de contribuir para a reinserção do trabalhador no mercado de trabalho, por meio do feirão, também fomentar conhecimento, capacitação, negócios e o empreendedorismo. Trouxemos importantes atores que tiveram contato direto com os participantes por meio dos debates, simpósios, palestras e oficinas, e foi muito bom promover esse ambiente de desenvolvimento para a nossa população”, destacou o secretário de Emprego, Trabalho e Renda em exercício, Marco Antonio Villela.

A Expo Emprego abordou temas relevantes como: Desafios do novo perfil profissional; Inteligência Emocional; Qual a importância da inclusão da PcD no mercado de trabalho contemporâneo; Como profissionais da saúde podem se preparar para melhor atender a população LGBTQIA+; Empreendedorismo como opção de carreira; Caminhos para o desenvolvimento; Novo Polo Tecnológico de Osasco, entre outros.

As estudantes de psicologia da Anhanguera, Heris Titto, 22, e Giovana Torres, 18, assistiram a várias palestras, entre elas “Inteligência Emocional”, ministrada por Paulo Henrique F. Guedes (PH), analista de negócios e engenheiro de materiais e segurança do trabalho.

“Sou muito interessada no tema Saúde Mental e ele falou muito sobre a inteligência emocional no trabalho. A minha preocupação é saber se as pessoas têm noção do quanto ela é importante. A inteligência emocional não é uma frescura, nem algo secundário, é urgente. Então, quando ele falou da inteligência emocional na vida dos funcionários, gostei muito, pois existe uma negligência nesse assunto. Mas as empresas estão começando a compreender que cuidar da saúde mental dos trabalhadores é importante. Todos estão de parabéns pela iniciativa”, disse Heris.

Nas oficinas também foram abordados alguns temas, entre eles “Como está o nível do seu estresse?”, “Como se preparar para entrevista de emprego?”, “Entendendo o processo seletivo na visão do RH”, e “Montando seu CV”.

Este conteúdo oficial foi verificado por RJ983

Fonte Oficial




Mostrar mais

Artigos relacionados

Adblock Detected.

Desative seu AdBlock para poder acessar o conteúdo gratuito. Disable your AdBlock.